Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lembranças Que Me Ocorrem

Com este Espaço pretendo partilhar algumas memórias.

Lembranças Que Me Ocorrem

Com este Espaço pretendo partilhar algumas memórias.

Um Bom "Vinhaising"

João Bernardino Dias De Figueiredo, 11.02.20

Este ano fiquei com a responsabilidade de tratar de uma vinha, ainda nova, pertença da herança indivisa de meu sogro e filhos; só aceitei esse desafio depois de ter encontrado um parceiro que contribuísse com o seu saber nesta Nobre Tarefa, a que resolvemos chamar de “vinhaising”.

Iniciamos esta Tarefa com a poda das videiras, trabalho que requer alguma aprendizagem adquirida, mas que julgamos já ter apreendido a arte da coisa.

Continuamos esta Tarefa com a queima dos sobrantes e com a queima das ervas daninhas; tudo dentro da legalidade não fosse o diabo tecê-las.

Virá a seguir a arte da espoldra (segunda poda das videiras), cuja ignorância nossa sobre este assunto nos levará a questionar algumas das práticas envolvidas.

Seguir-se-ão as curas com o produto sabiamente recomendado pelos entendidos da matéria. Após uma segunda cura, virá uma terceira, uma quarta, uma quinta, e por aí adiante em função do clima que nos espera.

Entretanto, como mandam os mandamentos da arte desta coisa, será necessário, antes da terceira cura, proceder à eliminação de todos os Netos e tirar alguma folha.

Lá para o São João, vai ser necessário cortar as pontas das videiras e muito provavelmente voltar a queimar as ervas daninhas, de modo a deixar a vinha preparada para a vindima.

O dia da vindima, como alguns melhor informados saberão, é um dia de muito trabalho; vindimar, transportar, calcar (ou esmagar) e lavar o hardware; durante os próximos três ou quatro dias é necessário mergulhar o vinho não só para lhe dar cor, mas para o arejar.

No dia em que o vinho vai para as cubas, já tudo tem de estar preparado para o receber; lavar e desinfectar as cubas são tarefas essenciais.

Depois de tudo o que foi dito, espero que, a partir de agora, não pensem que as videiras dão vinho.

A realidade é outra bem diferente; as videiras dão uvas e, para isso, é preciso ter paciência e muita dedicação para se ter algum sucesso. Para isso é necessário,

Um Bom Vinhaising

3 comentários

Comentar post